Cirurgia de Tendão do Ombro Rompido: quando fazer?

cirurgia-de-tendao-do-ombro-rompido

A cirurgia de tendão do ombro rompido, também chamada de cirurgia do manguito rotador, é indicada quando há uma ruptura de um ou mais dos 4 tendões do ombro.

Lembrando que o manguito rotador é um grupo de quatro tendões que cobrem a cabeça do úmero, assim como um chapéu, e permitem a sua rotação e a maior parte dos movimentos da articulação. 

O objetivo do médico ortopedista especialista em ombro e cotovelo em Goiânia com a cirurgia é aliviar a dor, recuperar a mobilidade e a força do ombro, e evitar a degradação progressiva da articulação.

Então, se você foi diagnosticado com ruptura de tendão do ombro, vamos explicar aqui desde as causas desse rompimento até o tipo de cirurgia mais eficaz!

Por que o tendão do ombro rompeu?

Para entender a cirurgia de tendão do ombro rompido, quais as causas da ruptura do ombro?

Então, a ruptura do manguito rotador é uma ruptura dos tendões que servem para mobilizar a articulação do ombro.

O tendão pode se romper por conta de um desgaste, causado por movimentos repetitivos, tendinite ou envelhecimento, ou em razão de um traumatismo, por exemplo, após uma queda.

O sintoma de um tendão rompido é dor no ombro, perda de força e mobilidade.

Na grande maioria dos casos, essa lesão aparece em função do envelhecimento natural, mas pode, em alguns pacientes, não ser bem tolerada e afetar muito a qualidade de vida.

Seu diagnóstico precoce evita sequelas dolorosas. Por isso, se sentir dor e dificuldade para movimentar seu ombro, vale a pena consultar um ortopedista especialista em ombro e cotovelo para verificar se houve uma lesão no tendão.

Cirurgia de tendão do ombro rompido: quando é indicada?

No caso de uma ruptura traumática, principalmente se o paciente é jovem, a indicação para cirurgia de tendão do ombro rompido é indiscutível.

Quanto mais cedo é realizada a reparação, mais simples é a intervenção e mais rápida a recuperação.

Já no caso de uma ruptura degenerativa, a intervenção é discutida caso a caso, em função das dores, impotência funcional, perda de força, etc.

Portanto, os critérios que indicam uma cirurgia são:

  • Tratamento conservador sem resposta positiva;
  • Idade;
  • Persistência das dores;
  • Perda de mobilidade e força.

No momento da consulta, o médico, por meio de exames, vai precisar se um ou mais tendões foram acometidos.

Cirurgia de tendão do ombro rompido: o que é?

A cirurgia de tendão do ombro rompido consiste em reparar os tendões do ombro que foram deslocados da sua inserção óssea, seja de maneira espontânea ou por conta de um traumatismo.

Na maioria dos casos, é realizada por artroscopia, ou seja, sem abrir a articulação.

Duas ou três pequenas incisões são feitas no ombro. Uma pequena câmera, que é o artroscópico, é introduzida em uma delas para que o médico possa visualizar a articulação.

Pequenos instrumentos cirúrgicos são inseridos nas outras incisões para realizar o procedimento cirúrgico.

O cirurgião pode assim reparar um tendão rompido, fixar um tendão no osso, limpar a articulação e aumentar o espaço de deslizamento dos tendões.

Às vezes, a intervenção pode necessitar de uma incisão maior e se transformar em uma “cirurgia aberta”, se a ruptura for muito extensa.

Cirurgia de tendão rompido: quando voltar ao trabalho?

Muitas pessoas se perguntam quando podem voltar ao trabalho após uma cirurgia de tendão do ombro rompido.

Tudo vai depender do tipo de trabalho, assim como do meio de transporte utilizado.

Saiba que é impossível dirigir, pelo menos durante 45 dias, pois o ombro permaneceu imobilizado por 30 dias.

Para os transportes públicos ou outra pessoa dirigindo, não há contraindicação.

Por outro lado, você pode voltar ao trabalho se for compatível com o uso de uma tipoia, que não é o caso de um trabalho manual.

Na verdade, a cirurgia não torna o “ombro novo”, mas um “ombro reparado”, sendo importante tomar cuidado no momento de carregar peso.

Cirurgia de tendão rompido: quais os resultados?

O objetivo dessa cirurgia tem praticamente duas finalidades: reduzir as dores no ombro e restaurar a função do ombro o mais próximo possível da idade do paciente.

Portanto, a reparação dos tendões tem por propósito recuperar a função, mobilidade e força do ombro.

Alguns pacientes podem sentir dores pontuais, mas a maioria delas desaparece progressivamente.

Por outro lado, em função da técnica utilizada, a artroscopia, a recuperação é mais rápida e com menos dores.

Para obter os melhores resultados, basta seguir as orientações do seu médico e não deixar de fazer as sessões de fisioterapia, e claro, tomar todos os cuidados pós-operatórios.

Cirurgia de tendão do ombro rompido: qual médico?

Para a cirurgia de tendão do ombro rompido, você deve procurar um ortopedista especialista em ombro e cotovelo em Goiânia, para o correto diagnóstico e tratamento.

Dr. Thiago Barbosa Caixeta possui experiência em cirurgia de ombro e cotovelo, e em tratamento de problemas como bursite, tendinite, artrose, doenças musculoesqueléticas…

Se você sentir algum problema no ombro, é importante passar por uma avaliação e iniciar o quanto antes o tratamento, a fim de não piorar o quadro.

O diferencial do Dr. Thiago é seu foco é promover a qualidade de vida e conforto dos seus pacientes, inclusive usa técnicas cirúrgicas minimamente invasivas, onde o período de recuperação é bem mais rápido!

Compartilhar nas redes sociais.

Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter

Procura por Ortopedista Especialista em Ombro e Cotovelo?

Dr. Thiago Barbosa Caixeta

ortopedista-ombro-cotovelo-goiania-dr-thiago-caixeta